terça-feira, 16 de agosto de 2011

Livros Juvenis - 11 e 14 anos (1)


Cá por casa uma das dificuldades que tivemos durante algum tempo, foi por os mais novos a ler. Era-mos unânimes que obriga-los a ler não faria bem a ninguém e só os faria detestar os livros, e que quando lhes apetecesse eles lá pegariam em algo. Pelo natal eles lá recebiam sempre uns 5 livros cada, oferecidos maioritariamente pelos amigos dos avós que seguiam a velha tradição de oferecer livros. Bem, como podem imaginar, eram encostados ao canto, por vezes ainda com o papel de embrulho e que depois iam imperativamente para as estantes sem serem abertos.
Uma das dificuldades foi tentar comprar livros infantis/juvenis que os cativassem. Não é fácil escolher para crianças, ainda para mais quando estes não lêem. Não há falta de oferta de livros deste género, qualquer supermercado e livraria tem uma vasta prateleira só para eles. Mas a nível de opiniões, não se encontram assim tão facilmente. Vou então deixar-vos aqui a lista de livrinhos que os mais pequenos finalmente leram e gostaram. Nesta altura somos 4 que normalmente andamos nas livrarias a catar as prateleiras o que é uma grande felicidade para nos. Acarreta é outro problema... a conta dos livros duplicou.

Ranhoso pequeno - 11 anos

 
Começou por pegar no Joe Carrot, «um coelho detetive. A sua agência, Carrot & Carrot, é a mais famosa de toda a cidade de Coelhópolis (também é a única…). Joe adora o seu trabalho. Gosta de procurar pistas e de resolver casos complicados, mas acima de tudo adora a sua família. Ele e a sua mulher, Jane, têm cinco coelhinhos maravilhosos! Nos seus livros, vai poder acompanhá-lo em histórias apaixonantes, divertidas, cheias de mistério, mas também de alegria.»

Páginas: 128
Editor: Porto Editora
ISBN: 978-972-0-72305-5
Coleção: LIVROS DE HISTÓRIAS JOE CARROT
Faixa etária: a partir dos 7 anos

Uma série com 7 livros publicados, fácil de encontrar em qualquer super mercado e livraria com preços que variam entre os 7 e os 9 euros. Mesmo não sendo bem para a idade dele, começou a lê-los com 10 anos. A verdade é que ele os adorou, sentava-se com o livrinho e só parava quando os terminava. Releu vários e ainda agora os tem orgulhosamente na estante e não os acha infantis.

Como a série era pequena seguimos para "As Crónicas de Spiderwick". «Após o divórcio dos pais, os filhos de Grasse - os gémeos Fared e Simon e a sua irmã mais velha, Mallory - foram viver com a mãe para uma antiga mansão, já um tanto decadente, que pertencia à tia-avó, Lucinda, que vivia agora numa instituição. Antes mesmo de terem desfeito as malas, James começa a suspeitar de que não estão sós no casarão. Há ali alguém a viver entre aquelas paredes. As suas investigações acabam por levá-lo a descobrir um livro cheio de imagens de criaturas fantásticas - o Guia Prático do Mundo Fantástico, de Artur Spiderwick. E James descobre outra coisa ainda mais misteriosa: Arthur Spiderwick, o pai da tia-avó Lucinda, tinha sido dado como desaparecido...»




Autores: Tony DiTerlizzi, Holly Black
Colecção: As Crónicas de Spiderwick
ISBN: 978-972-23-3269-9
Nº de Páginas: 128
Dimensões: 120x180mm
Editora: Editorial Presença

Outra colecção que ele devorou o primeiro livro e quis comprar o resto da série, composta por 5 livros. Lembra-se do filme mas curiosamente disse que gostava mais dos livros. Anda constantemente a contar-me o que está a acontecer com as personagens.

Ranhoso maior - 14 anos

O nosso filho mais velho já tinha lido um ou outro livro da colecção "Uma aventura", contudo nada que o prendesse muito e o fizesse ler mais livros. Foi a série Aprendiz de Ranger que o cativou verdadeiramente. «Combina o misticismo da lenda do Rei Artur com a intensidade épica de O Senhor dos Anéis. Morgarath, Senhor das Montanhas da Chuva e da Noite, está decidido a apoderar-se do trono de Araluen custe o que custar. Will e o seu mestre Halt são incumbidos da delicada missão de evitar o assassinato do Rei Duncan e vêem-se envolvidos numa perigosa batalha que ultrapassa tudo quanto Will pudesse ter imaginado. É então que Will descobre a verdadeira natureza de um Ranger e reconhece o seu inestimável valor…»



Autor: John Flanagan
Edição/reimpressão: 2008
Páginas: 304
Editor: Edições Asa
ISBN: 9789892303215
Coleção: Aprendiz de Ranger
Faixa etária: a partir dos 13 anos


Leu os 3 livros publicados em português e espera ansiosamente pela continuação que por cá ainda não foram traduzidos. A série que prendeu a serguir foi Conspiração 365.
«Na véspera de Ano Novo, Cal é seguido por um estranho homem que lhe deixa um alerta: "Mataram o teu pai. Vão matar-te. Tens de sobreviver nos próximos 365 dias!"
Forçado a uma vida em fuga e com a cabeça a prémio, o fugitivo de 15 anos vê-se sozinho, sem ter quem o ajude. Perseguido pela Lei e por criminosos impiedosos, Cal tem de descobrir a verdade sobre a misteriosa morte do seu pai e um segredo capaz de mudar o rumo da História. A quem pode ele recorrer? Em quem pode ele confiar quando parece que o mundo inteiro o quer ver morto? O relógio não pára. Cada segundo pode ser o último da sua vida.»




Autor: Gabrielle Lord
Edição/reimpressão: 2011
Páginas: 192
Editor: Contraponto
ISBN: 9910000062605
Coleção: Conspiração 365
Faixa etária: a partir dos 12 anos

Uma série composta por 12 livros, um por cada mês do ano em que a personagem Cal, terá de sobreviver.

Esperemos que dentro em breve tenha mais livrinhos Juvenis para vos mostra, seria um óptimo sinal.

4 comentários:

Angelina Violante disse...

São uns sortudos eu com a idade deles e ainda mais nova queria ler, mas ninguém me oferecia livros, e depois os meus pais já achavam que gastavam muito dinheiro com os livros para escola e não queriam comprar mais nenhuns.

Resultado para ter alguns livros para ler tinha que mentir e dizer que tinha que os ler para a disciplina de português e teria de fazer um teste sobre o livro, senão nada feito,lol.

cris disse...

Os meus filhos mais novos (11 e 14 anos) ficaram presos ao livros da Cherub - já sairam 7 ou 8 - e foi uma das formas de agarrar o meu do meio já que só lia obrigado...Conheces?
Bjs
Cris
http://otempoentreosmeuslivros.blogspot.com

Marcelina Gama disse...

Pois é Angelina, na minha casa também não havia livros. Os tempos mudam e agora os miúdos só recebem é livros e não ligam grande coisa.

Olá Cris. Não conheço mas vou "cuscar", obrigada pela sugestão.

Paula Gomes disse...

Achei as tuas sugestões fantásticas. Acho que vou apostar nas aventuras do Joe Carrot e ver como eles reagem. Excelente dica, Marcelina:-)