sábado, 19 de setembro de 2009

Clube Arcanum


Clube Arcanum
Thomas Wheeler


"O Livro de Enoque, o mais poderoso artefacto do mundo, é uma crónica dos erros de Deus e contém nas suas páginas a chave para o fim do mundo. Infelizmente acaba de ser roubado.
Estamos em 1919 e a Grande Guerra chegou ao fim. (...) Quando Konstantin Duvall, o fundador do Clube, morre de forma suspeita em Londres, cabe ao mais antigo membro, o famoso escritor Sir Arthur Conan Doyle, investigar o caso. Pois da biblioteca secreta do morto desapareceu o artefacto mais poderoso do mundo: o Livro de Enoque."

Em geral foi um livro que me agradou, normalmente não gosto muito de personagens reais ou conhecidas envolvidas noutros livros, ou em grandes aventuras, fico sempre com a sensação de que pegar em Arthur Conan Doyle e por-lo a investigar um roubo é aproveitar-se da própria fama do escritor para escrever um livro. Contudo isto (uso da fama dos outros em proveito próprio) acontece de tantos modos e é tão comum, que neste caso, não acho o mais relevante.
O livro é um verdadeiro "livro de acção", tem um ritmo muito "acelerado", as personagens passam o tempo todo a fugir de demónios. Mortes, magia, feitiços estão presentes durante o livro todo. E várias são as personagens que entram em cena para ajudar Conan Doyle a recuperar o Livro de Enoque e para vingar a morte do líder do Clube de Arcanum, Duvall.
Um livro agradável de ler, não será brilhante, mas dará um bom filme de acção. No meu caso, abordou vários temas pelos quais fiquei curiosa, pois pouco conhecia sobre o mesmo, o ocultismo para mim contem muitos mistérios, mas fiquei curiosa de ler mais sobre o assunto.


1 comentário:

Arte e Criação disse...

Olá!

Chamo-me Daniela e gostava de apresentar o meu blog com peças feitas por mim.

www.art-and-creation.blogspot.com

Muito obrigada! =)