domingo, 20 de abril de 2008

O estranho mundo de Garp


O estranho mundo de Garp
John Irving

O livro é acerca de Garp e do seu mundo, literalmente. Este decide tornar-se escritor e recebe todo o apoio da mãe. Esta por sua vez torna-se numa best-seller e numa feminista seguida e idolatrada. Garp é incapaz de atingir o mesmo sucesso da mãe com os seus "bons" livros. A sua mãe vive atormentada pela lascívia e pelos males desta na sociedade.

O livro está cheio de pequenas historias que dão toda a beleza ao livro. Mas são as historias menores que são a verdadeira essência do livro. As personagens (secundárias) que vamos encontrando, fazem-nos rir até a exaustão, ou levam-nos às lágrimas sem grande dificuldade. Garp vive a vida de um modo especial, um dia de cada vez, protegendo os que ama. É no entanto incapaz de evitar o sofrimento destes, o que muito o frustra.

Ponto fulcral do livro é o "acidente" de carro que envolve toda a família. Neste ponto o autor doseia a dor, o sofrimento e a compaixão de uma maneira perfeita, levando o leitor a desesperar. Após este ponto é notória a viragem que se dá no livro e conseguimos aperceber-nos que a partir desse momento entramos na recta final.

Um livro que recomendo (antes de ver o filme).

1 comentário:

Antonio disse...

É um livro fantástico que procuro desde o momento em que o li (emprestado por um amigo). O filme (que também vi) desapontou-me um pouco porque, na minha opinião, deve deixar-se alguma margem para a imaginação de cada um e o Robin W. não terá sido a escolha mais apropriada.